Colecção O

A bruxa arreganhadentes

Tina Meroto & Maurizio A. C. Quarello

ISBN 978-84-9871-529-3

14,00

Quantidade:
INFORMACIÓN
  • Páginas 48 págs.
  • Encuadernación cartonado
  • Medidas 25x23 cm
  • Publicación março 2016 - Reedição

Três irmãos, desatendendo às advertências da mãe, embrenham-se no bosque escuro e misterioso, onde tudo pode acontecer. O mais pequeno, temeroso e consciente do perigo, procura avisar os dois mais velhos, mas tem de tomar uma decisão e acaba por acompanhá-los. Como não sabiam o caminho de volta, decidiram entrar na casa da bruxa, onde cheirava a comida…

 


Descrição

Três irmãos, desatendendo às advertências da mãe, embrenham-se no bosque escuro e misterioso, onde tudo pode acontecer. O mais pequeno, temeroso e consciente do perigo, procura avisar os dois mais velhos, mas tem de tomar uma decisão e acaba por acompanhá-los. Como não sabiam o caminho de volta, decidiram entrar na casa da bruxa, onde cheirava a comida…

 

Os contos e lendas acerca de bruxas constituem um repertório vivo e abundante, praticamente universal. É frequente as crianças personificarem os seus medos em personagens malvadas com aparência humana. Para ganhar confiança e superar os medos, nada como escutar contos onde os protagonistas triunfam sobre esses seres aterradores, criados na imaginação. A personagem da bruxa devoradora de crianças que vive numa casinha no meio do bosque aparece na tradição oral comum a muitos povos (Turquia, Rússia, Europa…) e conta com antigos antecedentes literários.

A Bruxa arreganhadentes tem um carácter híbrido, com elementos narrativos recolhidos de diversas culturas. Nesta ousada aventura, o mais pequeno é o único capaz de ver com clareza (reconhecer a casa da bruxa, desconfiar da aparente afabilidade da desconhecida…), sem se deixar levar pelos impulsos e pela satisfação dos desejos. Se no princípio do relato, os mais velhos troçavam do irmão por o considerarem medroso e pequeno, no desenlace transmite-se a ideia de que, ainda que alguém seja considerado insignificante, também será capaz de superar as dificuldades; finalmente será o mais pequeno que, com astúcia e inteligência, toma iniciativas e enfrenta a grave situação.

A Bruxa arreganhadentes conta com excepcionais ilustrações feitas pelo italiano Maurizio A. C. Quarello. Quarello apresenta imagens fortes que recriam uma atmosfera em contrastes claro-escuros que proporcionam ao livro um ambiente carregado de suspense. Para complementar, o ilustrador oferece uma segunda leitura, com pormenores cheios de humor que convidam à observação uma e outra vez, para descobrir em cada leitura ideias novas e surpreendentes.

 

Texto de Tina Meroto, a partir de um conto popular turco-russo

Ilustrações de Maurizio A. C. Quarello

Tradução Dora Batalim Sottomayor